Empreiteira do chefe do clube do bilhão, a UTC, financiou campanha de aliada de Edinho, tesoureiro de Dilma

Edinho Silva e Marcia Lia

 

A deputada estadual  Márcia Lia, do PT de São Paulo, recebeu R$ 632.985 como contribuição de campanha, no ano passado, da UTC Engenharia, a empreiteira-chefe do cartel desbaratado na Operação Lava Jato.

O fato de destaque é que Márcia Lia é afilhada política do tesoureiro da campanha à reeleição de Dilma, Edinho Silva.

Mesmo declaradas, uma das conclusões da força-tarefa da Lava Jato é que doações das empreiteiras investigadas, eram recursos oriundos dos desvios de contratos da Petrobras.

 

Uma das parcelas das doações da UTC ao PT na campanha de 2014, de R$ 1 milhão, entrou no caixa da sigla no dia 5 de agosto.

Horas depois, R$ 632.985 foram  transferidos para Márcia Lia, que totalizou 70.945 votos.

 

A deputada paulista foi apenas uma entre os candidatos do PT para os quais a Direção Nacional intermediou doações da UTC. Mas a quantia doada chama a atenção.

Quando considerados o total de 10,8 milhões de reais distribuídos ao PT pela construtora UTC, de Ricardo Pessoa, atualmente preso e considerado chefe do clube do bilhão, Márcia Lia foi a parlamentar que mais recebeu recursos da UTC – mesmo sendo estreante no Legislativo paulista.

Ela declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que arrecadou 3,3 milhões de reais em sua campanha – 19% dos recursos foram da UTC Engenharia. Mais de 80% do que Márcia Lia arrecadou em geral sairam do comando do partido: um total de 2,66 milhões de reais. Ela recebeu da cúpula petista mais verba do que a campanha à reeleição de Tarso Genro, por exemplo.

Dilma recebeu 7,5 milhões de reais da UTC para a campanha. Seu tesoureiro era Edinho Silva.

Conforme Veja publicou, Ricardo Pessoa chegou a escrever, na carceragem da PF em Curitiba, bilhetes nos quais indicava que Edinho Silva “estava preocupadíssimo” por tê-lo procurado para pedir doações eleitorais à campanha de Dilma. Edinho repudiou as informações e disse que a arrecadação da campanha de Dilma “foi realizada de forma ética e transparente, conforme previsto na legislação eleitoral”.

Ex-presidente do Diretório Estadual do PT de São Paulo, Edinho publicou uma foto nas redes sociais ao lado de Márcia Lia, a quem trata como “amiga e companheira de jornadas no PT”.

Reportagem de Veja – Editada pelo blog

http://www.eniomeneghetti.com

Anúncios

Tags: , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: