ESTÁ NA HORA DE TOCAR O PAVOR 

Após os acontecimentos na Colômbia, onde um  guerrilheiro esquerdista alcançou a Presidência com 3% de vantagem, em cima de mais de 40% de abstenções; depois de fato equivalente ter ocorrido no Chile, está mais do que na hora de levarmos à sério os riscos que o Brasil corre.  

Endoidecido, o ex presidiário candidato à presidência do Brasil vem defendendo publicamente desde ladrões comuns até guerrilheiros sequestradores. Estes já foram adjetivados pelo ex apenado candidato como “aqueles pobres meninos”, entre outros adjetivos amistosos disponíveis em vídeos e matérias internet afora.  

Petistas defendem “quarentena fiscal” como programa de governo, isto é, descumprir, fechando em uma gaveta, as leis vigentes, o que os permitiria fazerem o que quisessem com o dinheiro dos pagadores de impostos. O seu dinheiro. Seria o caos. Seus adeptos são um caso perdido. Com toda a sorte de condenações, que fazem justamente que um ladrão comum, em comparação com eles, seja de fato “um pobre menino”.    

Nosso problema é que, infelizmente, há pessoas alheias a estes fatos que não compreendem a importância de seus votos.  

Mesmo tendo recebido todo o tipo de provocações desde a posse, sem falar na facada, Bolsonaro vem agindo absolutamente dentro da legalidade.  

A defesa contra a alta de preços que, no entardecer de uma Pandemia inédita na história da Humanidade, sucedida pelos efeitos da guerra entre Rússia e Ucrânia, nos trouxe uma situação inacreditável: ao querer baixar impostos para conter a alta de preços, Bolsonaro levantou contra si uma horda de demagogos desejosos de beneficiar o adversário ex presidiário, responsável pelo maior esquema de corrupção já executado no mundo.  

Fato: ou teremos a reeleição de alguém que vem demonstrando prudência e bom senso, mesmo desagradando (e agradando) parcelas da população não acostumadas a um governante que diz a verdade de forma clara, ou teremos como presidente um psicopata que camufla suas intenções e ações nefastas, crimes e ilegalidades sem fim, protetor de criminosos bárbaros (vide Cèsare Battisti), conexões com facções criminosas (vide caso contador) e muito mais.  

Ou motivamos os eleitores mais sensíveis, fofos e refinados, os “isentões”, definindo que não existe a opção “nenhum dos dois”, para que compreendam: o resultado da eleição será OU Bolsonaro OU Lula. É isto, ou corremos o risco de colocarmos o Brasil na mesma situação da Colômbia e do Chile, da Argentina e da Venezuela, cujo pecado foi subestimar a capacidade de destruição dos criadores do Foro de São Paulo.  

A hora é de deixar o mimimi de lado e impedir que nosso país seja usado como baluarte e financiador de países destroçados pela utopia esquerdista. O financiamento, é claro, será com teu dinheiro.  

Acordem.  

Tags: , , , , ,

2 Respostas to “ESTÁ NA HORA DE TOCAR O PAVOR ”

  1. Rubens Mazzini Ridrugues Says:

    Muito bom, Enio. É bem isso. Muita gente precisa acordar.
    PS: me desbloqueia lá no FB. Estamos juntos na luta.
    Abraço!

  2. Ana Maria Says:

    BOLSONARO 22 , SE DEUS QUISER E ELE HÁ D
    E QUERER!🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: